Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

ELE DIZ

Coisas do Social, Internet e Media! Humor Q.B.

ELE DIZ

Coisas do Social, Internet e Media! Humor Q.B.

Credo, estou gorda! E agora?

Se há um post que seja transversal a toda a blogosfera feminina, é o tema do peso corporal que as autoras dos mesmos têm sempre em mente.
Estamos na época do ano que vale tudo menos tirar olhos, para conseguir reduzir umas gramas ao que foi acumulado durante o inverno.
Diria mesmo que esta preocupação com o peso, já nem é uma questão estética, tem já algo a ver com afirmação social.
Blogue feminino que não aborde o tema, será com toda a certeza um blogue incompleto, um blogue cuja autora padecerá de algo grave, para conseguir passar ao lado de tão importante problemática.
Umas das melhores coisas na reacção através nos comentários aos posts sobre peso são a lamurias e angustias de muitas leitoras que ali se libertam, até que... o inesperado acontece! Uma qualquer lambisgóia chega ao post e diz que tem dificuldade em engordar e esse é o seu drama, aqui a veia feminina demoníaca é libertada por todas, numa reacção conjunta de ódio e desprezo par a vil provocadora, que tem em seu poder, o poder que todas queriam ter.
Agora virão algumas dizer que nunca falam de peso no seu blogue, coisa que até acredito, mas isso são raras excepções e quando não o fazer é porque lidam mal com o dito cujo, ou porque se auto-colocam num patamar superior, em que acham que a temática peso é apenas utilizada por seres de menor aptidão intelectual.

Apenas quero com este post, como na maioria dos que faço, provocar algumas mentes mais iluminadas, que teimam em querer mostrar o quão elevada é a sua condição, não olhando para aquilo que realmente são e procuram para si.
Eu sei que este post está a ser uma salgalhada, mas é apenas resultado da vontade que tinha de escrever sobre peso, mas sem saber muito bem o que escrever, e vejam como nesta altura me continuam a ler, mesmo que eu não esteja aqui a dizer nada, até posso falar de tulicreme, ou de bolacha Maria, ou falar de como é belo o voo de uma borboleta, que nada vos demove agora de continuar a pensar na temática peso, é algo inato ao ser feminino, é mais forte do que todas vós, reparem como estão a olhar para o pequeno pneu que ainda têm de eliminar até poderem colocar o biquíni.
Todos temos um drama, e o drama do Ele Diz é continuar a escrever sem ter necessariamente de escrever sobre algo.

Ainda aí? Deixem-se disso, não estão nada gordas, apenas têm de perder umas gramas, mas mesmo assim quase nada, assim olhando ao longe até estão todas muito bem.

2 comentários

Comentar post